Um pouco de poesia

\int_{nascimento}^{morte} (felicidades \times  sorrisos \times

\times lagrimas \times abracos \times amigos \times decepcoes \times

\times conquistas \times amor) \, d{momentos} = vida

Dica: se não está conseguindo resolver, use integração por partes e aproveite todos os momentos, dando um passo de cada vez. E seja feliz!

4 Responses to “Um pouco de poesia”

  1. Victor Says:

    Senpaaaaaaaaaaai, adorei a poesia😛

    (mas só um detalhe… integração por partes é quando é produto, não soma:P)

    • slackhideo Says:

      Obrigado pelo comentário, senpai!

      Pois é, eu achei que somando tudo ficaria melhor, porém quis traçar um paralelo entre “integração por partes” e “viver por partes”, i.e., pouco a pouco.
      Bom, mas para não criar problemas com matemáticos, desfiz minha “licença poético-matemática”😄

  2. Kooki Says:

    NAH~~~~~ Q glacinha!… sasuga senpai! ロマンチック!
    mas ueh! tah certo! eh soh vc pegar “abracos” como du e “decepcoes” como v. vai parecer q nao dah certo, mas jah q sao infinitamente derivaveis, sem pontos singulares em suas imagens para todas as “conquistas”, vc soh precisa fazer o processo suas vezes e izolar (spell?) “amigos” pro outro lado (lol) e depois subtrair as integrais repetidas!😀

    • slackhideo Says:

      Hahaha, mandando bem na Matemática e na poesia hein, Kooki-kun!
      ありがとうね。

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: